CARTA DOS LEITORES

domingo publica cartas, através das quais o estimado leitor partilha reflexões sobre alguns temas da actualidade, nomeadamente, sociais, culturais, políticos e económicos. Os textos originais não devem exceder 250 palavras e podem ser enviados para os seguintes endereços: Rua Joe Slovo, 55, Caixa Postal 327, cidade de Maputo ou redaccao.domingo@ snoticias.co.mz

Roubalheira via bilhete “Famba”

A problemática do transporte público de passageiros tende a agudizar-se na área metropolitana do Grande Maputo. Desde a semana passada, a Cooperativa dos Transportes Públicos de Boane (COOPTRAB), com sede no município da Matola, decidiu introduzir tarifa única para qualquer percurso.

Sendo utente frequente deste meio de transporte fiquei surpreso quando entrei no machimbombo e no lugar de me cobrarem os habituais 13 Meticais, de João Mateus até Baixa, foi-me exigido pagar 15 Meticais, alegadamente porque o gestor da rota distribuiu aos cobradores bilhetes só com este último valor. 

Porque uso frequentemente este tipo de transporte, fiquei pasmado e, sem alternativas, paguei os exigidos 15 Meticais. “Idem” para os outros passageiros que foram entrando no autocarro. Leia mais... 

Por Celso Boane

Classifique este item
(0 votes)