Líderes comunitários são cruciais no combate a uniões prematuras

– defende Isaura Nyusi, esposa do Presidente da República

Os líderes tradicionais são os guardiões de normas e práticas sociais que podem contribuir para reduzir a violência de género, portanto, seu papel é crucial na prevenção e mitigação da violência sexual baseada no género e práticas nocivas. A ideia é defendida pela esposa do Presidente da República, Isaura Ferrão Nyusi, por ocasião da realização, semana finda, do Fórum Nacional dos Líderes Comunitárias das províncias de Gaza, Manica e Nampula.

A esposa do Presidente da República participou em Maputo na reunião que serviu para a constituição do Fórum dos Líderes Comunitários das províncias de Gaza, Manica e Nampula, consideradas as que reportam mais casos de violência doméstica, baseada no género e uniões prematuras.

Para Isaura Nyusi, os casamentos prematuros retardam o desenvolvimento integral e harmonioso da rapariga devido à gravidez precoce.

Nesse contexto, a esposa do Chefe de Estado considera estarem criadas as condições para as lideranças comunitárias estancarem o mal por serem influentes nas comunidades, onde os dados numéricos indicam que 1 a 2 raparigas são forçadas a casamentos antes de atingirem os 18 anos. Leia mais...

Classifique este item
(0 votes)