FISICULTURISMO: Mulher, ferro e músculo

Definir beleza da mulher vai muito além dos olhos de quem a mira; ela depende, igualmente, da vontade de quem a cultiva. Assim, ter músculo duro e saliente também é belo, conforme defendem quatro jovens fisiculturistas em conversa com domingo. Falamos de Saquina Gulamo, Assília Gildo, Isaura Sequice e Cecília Rodjola.

Explicam que para chegar àquele resultado, o exercício é feito a “ferro e fogo”, dentro e fora do ginásio. Com efeito, elas enterram as velhas concepções segundo as quais a silhueta feminina é fina e delicada; fintam os padrões definidos pela maioria e se afirmam bonitas ao “jeito masculino”.

APELIDADAS DE HOMENS

Saquina Cassamo Gulamo, natural de Maputo, foi parar ao fisiculturismo em 2005. “O meu primeiro contacto com os ferros foi em 2005, para recuperar a forma física depois da gravidez. Após o nascimento da minha filha comecei a associar aeróbica com musculação para reduzir a flacidez”.

Ora, falamos de uma mulher que deixou para trás o gosto pelo voleibol que, “por algum tempo, foi a minha paixão”. Conta que nasceu numa família simpatizante da prática desportiva, por tal, “sempre tive apoio para me tornar atleta”.

De qualquer modo, hoje, as escolhas por si feitas levam-na a ouvir, do lado de fora, falas que desvirtuam o padrão por si escolhido: “eu sou chamada de homem ou de mulher que perdeu a forma física feminina”. Contudo, entende que a sua forma física não retira a delicadeza da figura feminina: “mulher é uma peça delicada. Ainda que carregue pesos, sempre será frágil”. Destaque-se que a sua reacção tem sido das melhores: “embora seja duro ouvir esses comentários, uso-os como motivação para continuar a trabalhar para ter o corpo que me agrade; e que me permita subir ao palco nas competições”, afirma. 

Ela trabalha com “disciplina, foco, respeito pelo tempo para atingir os objectivos desejados”. Os resultados chegam e agradam: ganhou o primeiro lugar na competição Puma Classic; o primeiro lugar em Arnold Africa 2019 e o segundo lugar em Gentle Giant. Leia mais...

TEXTO DE CAROL BANZE

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)