- Agradeceu o Professor Hélder Martins, a Samora e Mondlane, ao ser outorgado Doutor Honnoris Causa em Ciências Médicas

·         Cerimónia contou com a presença do Chefe do Estado, Filipe Jacinto Nyusi

“Não podia deixar passar esta oportunidade sem prestar uma veemente homenagem a quem considero, indubitavelmente, as duas maiores figuras da História Contemporânea do nosso País: Eduardo Mondlane e Samora Machel, que infelizmente nos deixaram precocemente, mas como Heróis, combatendo pelo nosso Povo”.

Este é o reconhecimento de Hélder Fernando Brígido Martins ao ser outorgado Doutor Honnoris Causa, pelo Instituto Superior de Ciências e Tecnologia de Moçambique (ISCTEM), um acto que aconteceu segunda-feira última em Maputo e que contou com a presença do Chefe do Estado, Filipe Jacinto Nyusi.

 Apontado em diferentes ocasiões como uma figura com um sentimento de moçambicanidade Professor Hélder Martins destacou a sua relação com Samora e Mondlane, nomes incontornáveis na história de Moçambique, tendo, na circunstância, revelado que “a eles também devo muito da minha formação e do meu modo de estar na vida”.

Formado em Medicina pela faculdade de Medicina de Lisboa,  a sua tese de licenciatura cujo tema era “Carcinoma Primitivo do Fígado” foi formulado tendo em conta que Moçambique era o país do mundo mais duramente atingido por esta enfermidade.

Este facto foi revelado por João Schwalbach, que deu a conhecer ainda que, com esta investigação, Professor Hélder Martins atingiu a classificação de 20 valores, o que lhe permitiu uma nota final do Curso de Medicina de 18 valores. Destaque-se que o Professor Hélder Martins é considerado o pai do Serviço Nacional de Saúde.

Ainda assim, na cerimónia de sua homenagem, considerou-se um “recipiente desta honrosa distinção”, sendo que, conforme entendeu,“através de mim, é intenção do ISCTEM, distinguir e homenagear, dum modo geral, os médicos e outros trabalhadores da Saúde, mas em particular, aqueles que participaram na construção do Serviço de Saúde nas zonas libertadas durante a Luta de Libertação Nacional e que aqui se não encontram presentes”.

SAUDÁMOS O ISCTEM PELA ESCOLHA

- PR, no seu discurso na homenagem a Hélder Martins

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, manifestou a sua satisfação “pelo reconhecimento da obra do Professor Hélder Martins, uma figura sublime, um activista político, homem da cultura, apaixonado por causas humanitárias”. Na ocasião, Filipe Nyusi saudou o ISCTEM pela escolha porque “se trata de um homem multifacetado, que se fez por si mesmo; a sua inteligência continua a granjear reconhecimento além-fronteiras. O Professor Hélder Martins tem no conhecimento científico a sua principal arma”, por tal, Nyusi considerou que “é uma homenagem muito bem merecida”.