Mostra-se satisfeito com as conquistas do anterior elenco, contudo, não acredita em processos finalizados e promete melhorias, sobretudo, no que diz respeito à qualidade de formação dos médicos. Gilberto Manhiça, o novo bastonário da Ordem dos Médicos de Moçambique (OrMM), fala ao domingo das suas aspirações e desafios da classe médica. Ei-lo na primeira pessoa.

Como bastonário da Ordem, o que lhe tira o sono no momento?

A qualidade de formação. Repare que todos os processos de desenvolvimento humano envolvem melhor qualificação. Nunca houve melhoria nas condições de vida de uma sociedade sem que a formação estivesse à frente destes mesmos processos.

Não corremos o risco de um dia termos recursos humanos qualificados, mas com deficientes condições de trabalho?

Acho que não. Pelo contrário, vai ajudar porque se eu tiver uma habilidade muito boa e reconhecida, posso criar a minha própria unidade privada e prestar serviços de qualidade. Isso vai tornar a minha iniciativa sustentável. Se tivermos mais profissionais qualificados, a oferta dos serviços vai ser competitiva, o que permitirá a redução dos custos. Leia mais...

Texto de Luísa Jorge

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.


Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 61,11 62,29
ZAR 4,16 4,24
EUR 67,19 68,49

12.09.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 395 visitante(s) ligado(s) ao Jornal