- Presidente Filipe Nyusi aos órgãos de administração da justiça

O Presidente da República, Filipe Nyusi, afirmou esta manhã que o país só pode lograr resultados satisfatórios no combate à corrupção com um aparelho judiciário credível e transparente, o que inspirará as demais instituições públicas e privadas a pautar pelo primado da lei.

Filipe Nyusi falava no Palácio da Ponta Vermelha perante os titulares dos órgãos da administração da justiça que o foram saudar pela passagem do 5 de Novembro, Dia da Legalidade.

Na ocasião, Filipe Nyusi desafiou os magistrados a acelerarem as investigações e julgamentos dos implicados nos ataques em Cabo Delgado.

Segundo afirmou, da última avaliação que teve das Forças de Defesa e Segurança, ficou claro que parte dos implicados absolvidos pelo tribunal voltou ao teatro das operações e continua a comandar os malfeitores.

O Chefe do Estado desafiou os magistrados a distanciarem-se de actos de corrupção no cumprimento das suas obrigações, porque tais atitudes concorrem para a desacreditação do sistema de justiça.

“Para o cidadão, pouca diferença faz se um oficial de justiça, magistrado, advogado, agente penitenciário ou polícia é acusado de corrupção, viciação de processo, ou soltura ilegal de um preso;  a mensagem que fica é a de que o judiciário, como um todo, é corrupto e criminoso e não confiável”,destacou.

As celebrações deste ano decorreram sob o lema: Por Um Sistema de Administração da Justiça Promotor da Legalidade, Transparência e Probidade na Gestão Pública, que se enquadra nas prioridades do presente ciclo de governação visando assegurar a gestão de recursos humanos, materiais e financeiros do Estado dentro do postulado da lei e de forma transparente e credível.

 

 


Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 61,72 62,95
ZAR 4,18 4,26
EUR 68,69 70,06

18.10.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 355 visitante(s) ligado(s) ao Jornal

+ lidas