Em pleno dia do professor, que coincidiu com encerramento da campanha eleitoral, a Renamo prometeu a melhoria de qualidade de ensino caso vença as eleições de 15 de Outubro.

Andre Magibiri, secretário-geral, foi o primeiro a subir ao pódio pa firmar o compromisso da perdiz de tudo fazer para que o professor tenha melhores salários, facto que, segundo argumentou, passa pela moralização da administração pública.

Magibiri disse ainda que outros sectores prioritários, como a Saúde, a Segurança e Defesa de Soberania só poderão ser eficientes caso os seus funcionários ou agentes desfrutem de melhores condições de trabalho e de melhores salários.

“A Renamo vai melhorar salários de toda a Administração Pública”, sublinhou, ressalvando a necessidade de concessão de créditos bonificados aos jovens na perspectiva de construção de habitações próprias.

Manuel de Araujo, cabeça de lista da Renamo para o cargo de governador da província da Zambézia, prometeu contribuir para a construção de um Moçambique melhor, onde o povo deve viver momentos de independência económica, o que segundo ele, passa por uma gestão honesta da coisa pública.

A Renamo quer que no próximo dia 15 de Outubro os moçambicanos encontrem o caminho da esperança e da liberdade económica, assente na justiça social e na promoção de medidas que faca os moçambicanos felizes com as escolhas que fazem, apontou.

A perdiz que encerrou a campanha no campo de Chirangano, algures em Quelimane, realizou marchas pelas ruas, exibindo disticos que apoio aos seus candidatos a Assembleia da Republica, as assembleias provinciais, as eleicoes provinciais e presidenciais.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 61,72 62,95
ZAR 4,18 4,26
EUR 68,69 70,06

18.10.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 619 visitante(s) ligado(s) ao Jornal