A construção da estrada Zumbo-Mutarara, na província de Tete, figura no topo das prioridades do candidato presidencial da Frelimo, Filipe Nyusi, para o próximo quinquénio.

O traçado desta estrada compreende os troços Zumbo-cidade de Tete, num percurso de 520 quilómetros, dos quais 150 já asfaltados; e Mutarara -cidade de Tete, num trajecto de 300 quilómetros terraplanados, o que constrange a circulação no período chuvoso.

Depois de Niassa, Filipe Nyusi iniciou esta tarde a sua campanha eleitoral na província de Tete tendo como ponto de entrada o distrito de Angónia.No diálogo com eleitorado da Vila municipal de Ulónguè, Nyusi apelou à população a não repetir o erro de 2014 em que, nas suas palavras, a população marcou um auto golo, ao votar na oposição.

Referiu, contudo, que apesar deste gesto, o seu Governo não deixou de envidar esforços para desenvolver o distrito, porque acredita que desta vez as coisas vão correr bem para a Frelimo e seus candidatos.

Durante o contacto com a população, a rainha Zintambira, figura influente neste distrito, garantiu que desta vez os eleitores da área sob sua jurisdição vão votar na Frelimo e seus candidatos por serem os únicos que apresentam um programa promissor. Num outro momento Filipe Nyusi falou das conquistas da sua governação nesta província, no quinquénio prestes a findar, tendo elencado a construção da estrada circular Tsangano - Angonia - Furancungo.

Falou também da expansão das redes de abastecimento de água e electricidade bem como a sua iniciativa presidencial Um Distrito Um Banco cujos resultados são visíveis.

Amanhã, Filipe Nyusi vai escalar os distritos de Tsangano e Chiúta onde vai continuar a apresentar a sua proposta para o próximo quinquénio que se resume em mais emprego para os moçambicanos.