A liderança da Renamo já procedeu à entrega ao Governo da nova lista dos seus generais no âmbito do processo de Desarmamento, Desmobilização e Reintegração (DDR), segundo anunciou hoje o Presidente da República, Filipe Nyusi. 

Filipe Nyusi que falava no Posto Administrativo de Mulotana, distrito de Boane, durante a visita de trabalho que vinha efectuando à província de Maputo, disse esperar que desta vez os integrantes sejam de facto os homens oriundos das bases da Renamo espalhados pelo país. 

Sublinhou que se dependesse unilateralmente dele o dossier  já teria sido concluído há bastante tempo ao mesmo tempo que apelou a sua contraparte a honrar com a palavra para não defraudar as expectativas dos moçambicanos. 

“O processo de DDR não está esquecido e o objectivo é ir às eleições de Outubro com o dossier da paz encerrado.  Estamos a trabalhar   e a própria Renamo está a colaborar. Já terá corrigido a lista das pessoas que precisam de ser integradas na Polícia da República de Moçambique e em outras instituições. Se for necessário mexer na lei vou pedir ao Parlamento para que viabilize a aprovação da legislação específica”, assegurou o Chefe do Estado.

 

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 436 visitante(s) ligado(s) ao Jornal