Print this page

MICROS, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS: Mais de 1,6 mil milhões mitigam efeitos da covid-19

Janeiro 02, 2021 1091

Um total de 224 Micros, Pequenas e Médias Empresas (MPME) foi seleccionado para beneficiar de uma linha de crédito no valor de 1,6 mil milhões de Meticais, para responder aos efeitos negativos da covid-19.

Este investimento visa promover a revitalização operacional das MPME, através do reforço de tesouraria para o pagamento de salários, aquisição de matérias-primas, entre outras despesas.

O fundo é constituído por duas linhas, sendo uma denominada Gov.COVID-19, no valor de mil milhões de Meticais financiados pelo Governo e outra, Covid-19, do BNI, correspondente a 600 milhões de Meticais - um empréstimo obrigacionista do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS).

A linha de financiamento surgiu depois que os gestores das micro, pequenas e médias empresas, que operam no país, reportaram, ao Governo, os prejuízos que estavam a registar e que afectavam a geração de fluxos de caixa.

Foi neste contexto que o executivo disponibilizou o valor e confiou-o ao Banco Nacional de Investimento (BNI) para criar linhas de créditos e gerir a verba de maneira a contrariar o efeito negativo do novo coronavírus no sector empresarial. Leia mais...

Texto de Idnórcio Muchanga

idnóThis email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)