Tempestade ameaça costa moçambicana

O Instituto Nacional de Meteorologia (INAM) prevê que a tempestade tropical moderada Chalane, que se faz sentir desde sexta-feira no Oceano Índico, entre no Canal de Moçambique amanhã, 28 de Dezembro, podendo afectar a navegação marítima.

De acordo com as projecções apresentadas sábado pelo INAM, a tempestade pode evoluir até ao estágio de tempestade tropical severa ainda no Canal de Moçambique, podendo o epicentro atingir a costa no dia 30 de Dezembro, entre as províncias da Zambézia e Sofala.
“O INAM continua a monitorar este fenómeno e, mais uma vez, apela à população para que continue a acompanhar a informação meteorológica e os avisos difundidos pelas autoridades nacionais competentes”, diz o comunicado do INAM.

Entretanto, até às primeiras horas deste sábado, a tempestade tropical moderada Chalane estava a aproximadamente a 270 quilómetros da costa leste de Madagáscar, com a pressão no centro de 1001 hectopascais, ventos de 60 quilómetros por hora e continuava a deslocar-se em direcção a Madagáscar, a uma velocidade de 12 quilómetros por hora.

O fenómeno poderá atingir a costa leste daquele país nas primeiras horas deste domingo.

Classifique este item
(0 votes)