Sobe para 123 o número de óbitos por covid-19

Moçambique registou mais dois óbitos por covid-19 nas últimas 24 horas, o que eleva para 123 o total de mortos pelo novo coronavírus.

Trata-se de um homem de 74 anos e uma mulher de 68 anos, todos de nacionalidade moçambicana, que morreram após o agravamento do seu estado clínico numa unidade hospitalar da cidade de Maputo.

O Ministério da Saúde (MISAU) anunciou que de sexta-feira para ontem houve o registo de mais 104 casos positivos, dos 1542 casos suspeitos testados nas últimas 24 horas.

Todos os novos casos, ontem anunciados, resultam de transmissão local, sendo que 65 são homens e 39 casos são mulheres. Destes, 98 são moçambicanos e seis estrangeiros, havendo entre eles um sul-africano, dois italianos, dois indianos e mais dois portugueses.

Todos os novos casos, ontem anunciados, resultam de transmissão local, sendo que 65 são homens e 39 casos são mulheres. Destes, 98 são moçambicanos e seis estrangeiros, havendo entre eles um sul-africano, dois italianos, dois indianos e mais dois portugueses.

Assim, Moçambique tem cumulativamente 14.981 casos positivos registados, dos quais 14.674 casos são de transmissão local e 307 casos são importados.

Os dados indicam que durante a semana que ontem findou, houve uma redução na taxa de positividade em 15,9 por cento, comparado com a semana anterior, em que houve o registo de 763 casos positivos.

Num outro desenvolvimento, as autoridades da Saúde anunciaram o registo de mais cinco altas hospitalares, sendo que um é da província da Zambézia, quatro da cidade de Maputo.

No território nacional existe até o momento um cumulativo de 577 pacientes internados, dos quais 38 estão actualmente nos centros de internamento de covid-19 e em outras unidades hospitalares. Destes, oito deram entrada nas últimas 24 horas, na província da Zambézia (1) e na cidade de Maputo (7).

Quanto à sintomatologia, de acordo com os dados actualizados até ontem, dos 95 por cento dos casos positivos registados desde a eclosão da doença no país, apenas um por cento apresenta sintomatologia grave e a maioria dos pacientes internados padece de patologia diversas, sendo que as mais frequentes são a hipertensão arterial e diabetes.

Actualmente, 13.151 indivíduos previamente infectados pelo novo coronavírus estão totalmente recuperados da doença, dos quais 98 foram registados nas últimas 24 horas, na província de Gaza (12), e cidade de Maputo (86).

SITUAÇÃO COMPLEXA EM ÁFRICA E NO MUNDO

De acordo com a actualização diária do Centro de Controlo de Doenças de África (CDC-África), até às 10h do dia 20 de Novembro de 2020 havia o registo de um cumulativo de 2.043.462 casos da covid-49, dos quais 16.621 registados nas últimas 24 horas. O continente africano registou 418 óbitos, tendo ficado com um cumulativo de 49.099 óbitos e 1.728.682 recuperados, sendo 14.287 nas últimas 24 horas.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) indica que até as 24 horas do dia 20 de Novembro, houve o registo de um cumulativo de 57.55.003 casos da covid-19, dos quais 715.039 casos foram registados nas últimas 24 horas.

A nível global, registou-se um número cumulativo de 1.378.508 óbitos devido à covid-19 e 40.148.831 recuperados, sendo 413.889 nas últimas 24 horas.

Classifique este item
(0 votes)