Afectados integrados em casas de familiares

Parte dos deslocados que chegaram semana finda ao bairro de Paquite, na cidade de Pemba, já foi integrada nas casas dos seus familiares, segundo garantias dadas pelo secretário de Estado de Cabo Delgado, Armindo Ngunga.

Ressalva, entretanto, que há ainda algumas pessoas que vão chegando à cidade de Pemba e que continuam ao relento enquanto aguardam o seu reencaminhamento para diferentes pontos da província.

Segundo Armindo Ngunga, as pessoas que deram à baía de Pemba foram transportadas por barcos e permaneceram no alto-mar durante cerca de 3 a 4 dias, “o que lhes criou um certo desgaste físico e mental e alguns problemas de saúde”.

Descoberta a situação, segundo a fonte, as autoridades estão a criar condições para prestar assistência humanitária num trabalho conjunto com as organizações da sociedade civil que trabalham em Cabo Delgado.

É neste contexto que as pessoas debilitadas foram imediatamente encaminhadas para o Hospital Provincial para tratamento e depois da alta hospitalar procuraram por meios próprios os seus familiares nos bairros de Alto Gingone, Cariacó, Chiúba, Muxara, entre outros. Leia mais...

Texto de Domingos Nhaúle

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)