A Universidade Politécnica lançou, na última quarta-feira, o curso de Mestrado em Formação de Formadores em Gestão e Administração em Saúde, com o qual espera contribuir para o reforço da gestão e administração das instituições de saúde no País.

Financiado pela União Europeia, através do projecto EuropeAid, no âmbito do programa do Ministério da Saúde, de reforçar a gestão hospitalar a todos os níveis, o curso tem como objectivo principal o desenvolvimento de competências educacionais, pedagógico-metodológicas necessárias ao gestor na área de gestão e administração em saúde.

A escolha da Universidade Politécnica, para ministrar pela primeira vez este curso no País, advém, por um lado, do facto de ela possuir uma larga experiência na formação de quadros desta área e, por outro, de uma parceria iniciada há anos, quando da formação de licenciados em Administração Hospitalar.

Para Jamisse Taímo, director da Escola Superior de Altos Estudos e Negócios (ESAEN) da Universidade Politécnica, este facto constitui um desafio na medida em que se trata de um curso novo no País.

"Para nós, como Universidade Politécnica, é um grande rigozijo receber este curso. É também um desafio, pois o mesmo será ministrado com recurso a novas metodologias, baseadas em competências", disse Jamisse Taímo.

Por seu turno, a representante do Ministério da Saúde, Luísa Panguene, considera que os graduados deste curso devem contribuir para o reforço da gestão e administração das instituições de saúde.

"Esperamos que operem com competência e competitividade na resolução dos problemas aplicando soluções inovadoras. Por isso, devem demonstrar um nível de conhecimento e compreensão do funcionamento de uma instituição de saúde", referiu Luísa Panguene.

Já o representante da União Europeia, Piergiorgio Calistri, referiu que este curso insere-se na estratégia de cooperação existente entre aquele organismo e Moçambique, em particular o Departamento de Recursos Humanos do Ministério da Saúde.

O curso de Mestrado em Formação de Formadores em Gestão e Administração em Saúde está avaliado em mais de 1.5 milhão de Euros e contempla 25 formandos, provenientes do Ministério da Saúde.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 61,72 62,95
ZAR 4,18 4,26
EUR 68,69 70,06

18.10.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 692 visitante(s) ligado(s) ao Jornal

+ lidas