É já esta quarta-feira que se comemora o Dia das Forças Armadas de Defesa de Moçambique. Uma data que marca a história de Moçambique, pois no dia 25 de Setembro do ano de 1964 os guerrilheiros da Frente de Libertação de Moçambique (FRELIMO), liderados por Alberto Chipande, assaltaram o posto administrativo de Chai, província de Cabo Delgado, iniciando a Luta Armada de Libertação Nacional. No âmbito destas comemorações, domingo saiu à rua para testar o conhecimento de alguns cidadãos em torno desta efeméride.

Não sei

- Abo Jaime, segurança

Sinceramente nunca acompanhei nada que trate desse assunto, por isso que não sei nem faço ideia do que se celebra neste dia. Por causa da natureza e género do meu trabalho, não acompanho noticiários, porque chego à casa sempre cansado e fico sem tempo para acompanhar. Trabalho em turnos e fica-me difícil ser intelectual, até o jornal leio só um pouco quando estou no serviço, mas nunca prestei atenção em algumas datas comemorativas, só sei que é feriado e mais nada.

Dia dos heróis moçambicanos

- William Nungo, doméstico

Pelo que me recordo, claramente que se celebra a independência de Moçambique, uma data em que também se homenageiam os heróis moçambicanos pelos seus feitos durante a Luta de Libertação Nacional. Fizeram parte desta luta os presidentes Samora Machel e Eduardo Chivambo Mondlane. Esses lutavam contra o colonialismo português, com alguns jovens guerrilheiros da Frente de Libertação de Moçambique (FRELIMO). Leia mais...