A empresa Sistemas de Operações e Segurança (SOS Segurança) é acusada pelos seus trabalhadores de não pagar salários há oito meses e duas semanas.

Os trabalhadores ouvidos pelo domingo dizem que a direcção da empresa anda a fugir das suas responsabilidades, chegando mesmo a não mais dar a cara na instituição.

Afirmam que os gestores para além de não pagarem salário, também dissolveram o Sindicato Interno dos Trabalhadores e integraram os seus membros no corpo directivo da instituição, o que impossibilita a defesa da causa dos restantes trabalhadores.

Destaque-se que a referida empresa presta serviços de segurança e forma quadros que são, posteriormente, solicitados por entidades públicas e privadas para o exercício daquela actividade.  Leia mais...

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 61,11 62,29
ZAR 4,16 4,24
EUR 67,19 68,49

12.09.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 332 visitante(s) ligado(s) ao Jornal