Há cada vez mais pessoas a suicidarem-se no país. Dados disponibilizados pelo Ministério da Saúde (MISAU) indicam que só em 2016 foram registados 802 casos de tentativa de suicídio, contra 569 de 2015. Um estudo da OMS de 2012 aponta que no continente africano houve 27 casos de pessoas que tiraram a própria vida, em cada 100 mil habitantes. Face a esse cenário, domingo saiu à rua para ouvir a opinião dos seus leitores em torno dos motivos que levam à prática de suicídio.

Frustração

Eduardo Mucumbi, arquitecto

Para mim, a frustração é o principal motivo que leva as pessoas a cometerem o sucídio. Os jovens, sobretudo, andam frustrados com muitas coisas, com os seus relacionamentos; as dívidas que têm, a vida que levam, com as dificuldades que enfrentam.

Como arquitecto, também alio isto à forma como as cidades estão estruturadas. Há défice de espaços públicos, as pessoas não têm um sítio onde possam se sentar, para relaxar, e não se divertem com mais nada. A vida acaba se resumindo nesse trajecto estressante de casa-trabalho-casa.

Perseguição de espíritos maus

Prakach dos Santos, design gráfico

O que leva as pessoas a suicidarem-se é a perseguição dos espíritos maus. Apanhamos esses espíritos quando provocamos alguém com alguma coisa, pode ser através de um roubo. Ele começa a incomodar e empurra-nos para o suicídio.

Tenho experiência de um amigo que se suicidou há 4 anos, porque supostamente foi roubar na casa de alguém. Ele começou a ver coisas incomuns que nós outros não conseguíamos ver. Quando isso acontece, significa que o diabo está nas nossas vidas.

Leia mais...

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 61,11 62,29
ZAR 4,16 4,24
EUR 67,19 68,49

12.09.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 273 visitante(s) ligado(s) ao Jornal

+ lidas