Maisde três mil pessoas que se refugiaram nos distritos de Nsanje e Bangula, na vizinha República do Malawi devido às chuvas e inundações que fustigaram o distrito zambeziano de Morrumbala, pedem às autoridades nacionais apoio alimentar e tendas para abrigo temporário.

As autoridades malawianas naqueles pontos geográficos estão, por seu turno, a enfrentar dificuldades para assistir a todos os afectados pelas calamidades naturais em quase igual dimensão pelo facto de aquele país ter sido atingido pelo mesmo fenómeno.

O administrador distrital de Morrumbala, Pedro Sapange, confirmou que devido às inundações nas regiões de Chire e Chilomo os residentes locais se refugiaram na vizinha República do Malawi.

Texto de Jocas Achar

Leia mais...

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 614 visitante(s) ligado(s) ao Jornal