Desengane-se quem pensa que os conflitos pela posse e controlo de recursos naturais só gera conflitos em países fracos. Eles, os conflitos, ocorrem também naqueles espaços teoricamente com instituições fortes. O caso do conflito que opõe a República Cipriota Grega, a Grécia e a União Europeia, por um lado, e a Turquia e a República Turca de Chipre do Norte, por outro lado, é disso prova. Em causa está a descoberta, nas águas territoriais da ilha do Chipre, de imensas reservas de gás natural e petróleo, tendo a República Cipriota Grega assinado contratos de exploração com as multinacionais italiana ENI, francesa Total e americana ExxonMobil.

O actual estágio das relações entre o Irão e as grandes potências opositoras ao regime persa, EUA e Grã-Bretanha, pode ser explicado pela máxima “olho por olho, dente por dente”, gravada no Código de Hamurabi. A crise criada pelo abandono do acordo nuclear iraniano pelos EUA está a atingir contornos de os Estados terem de escolher em que lado se posicionar: o dos EUA, que dominam o sistema financeiro internacional, ou o do Irão, que, aparentemente, estava a obedecer o prescrito no acordo nuclear mas que os EUA pretendem punir a todo custo. O elevar da tensão entre Washington e Teerão quase que desembocava em guerra, com o abate do drone (avião não tripulado) norte-americano no passado mês de Junho. Ao invés disso, o Presidente dos EUA anunciou, no passado dia 15, que um navio militar do seu país “destruiu” um drone iraniano. Desde semana passada, um dos assuntos que está a dominar as manchetes dos jornais é a apreensão de um petroleiro britânico pelas autoridades iranianas. Analiticamente, estes desenvolvimentos são ilustrativos da aplicabilidade do Código de Hamurabi nas relações internacionais do século XXI, quase quatro mil anos após a sua instituição.

– afirma juiz do Supremo Tribunal Federal do Brasil Marco Aurélio Mello

O juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil Marco Aurélio Mello disse ontem que espera que o ex-juiz e actual Ministro da Justiça, Sérgio Moro, não ocupe o seu posto quando ele se reformar compulsivamente, em 2021.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 325 visitante(s) ligado(s) ao Jornal