As Pequenas e Médias Empresas (PME) passam a ter acesso ao Parque Industrial de Beluluane, no distrito de Boane, na província de Maputo, o que vai permitir a sua internacionalização através da produção e fornecimento de bens e serviços às indústrias implantadas naquela área.

Para o efeito, o Instituto para a Promoção de Pequenas e Médias Empresas (IPEME) estabeleceu recentemente uma parceria com o Parque de Beluluane, no quadro dos esforços que visam a busca de estratégias para a promoção de investimento nacional.

Segundo o Director-geral daquela instituição, Claire Zimba, as PME serão inseridas na Zona Franca de Beluluane, numa linha estabelecida especificamente para as empresas dedicadas à exportação. Com esta cooperação, será possível fazer com que esta categoria de empresas beneficie de isenções significativas em direitos aduaneiros e fiscais.  

Além disso, vão usufruir de um vasto leque de vantagens incluindo a possibilidade de competirem com empresas provenientes de outros mercados. Segundo o director de Desenvolvimento de Infra-estruturas daquele local, Onório Manuel, pretende-se com este acto impulsionar as PME a postar na indústria de transformação.

É preciso inovarar para que possamos estimular a nossa economia a uma escala considerável. Pretendemos abraçar iniciativas levadas a cabo pelo IPEME com vista a promover a internacionalização das PME. Actualmente, temos 38 grandes empresas voltadas a indústrias transformadoras, com as quais queremos que as nossas PME possam produzir com a intenção de exportar”, disse.

Onório Manuel referiu ainda que, numa primeira fase, as pequenas e médias empresasm locais vão firmar parcerias com as indústrias implantadas naquela zona para criar-se mecanismos de facilitação para a sua familiarização com aquele tipo de serviço.

 

O parque tem um espaço de 600 hectares, dos quais apenas 100 hectares é que estão ocupados. Neste contexto, vai-se disponibilizar terra às PME para a construção de fábricas, uma vez que aquele espaço já possui infra-estrutura adequadas para o desenvolvimento industrial.

Texto de Idnórcio Muchanga

idnóThis email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Leia mais...