FUTEBOL DE PRAIA: Moçambique falha CAN mas celebra “Mundial”

Moçambique falhou ontem a conquista do Campeonato Africano de Futebol de Praia, após perder a partida da final diante do Senegal, por 4-1.

No entanto, na sua primeira participação num Campeonato Africano de Futebol de Praia, terminado ontem em Dakar, capital senegalesa, Moçambique surpreendeu o continente e o mundo, qualificando-se ao campeonato do mundo da modalidade a ter lugar de 19 a 29 de Agosto deste ano na Rússia.

A vitória sobre o Uganda, por 6-3, na partida das meias-finais, sexta-feira última, deixou de ser surpresa após o conjunto orientado por Abinério Ussaca – com trajectória feliz no futebol feminino ao serviço do Vulcano FC – ter batido dois colossos africanos na fase de grupos.

O combinado moçambicano fez o pleno nas partidas do Grupo “B”. Derrotou o Egipto na jornada inaugural, por 7-5. Seguiu-se a vitória sobre Seychelles, por 7-3, e na última jornada superou a selecção de Marrocos, por 2-1.

Notar que a competição teve a participação de sete selecções nacionais divididas em dois grupos, depois da desistência da República Democrática do Congo (RD Congo).

Na véspera do confronto das meias-finais, a delegação moçambicana em Dakar recebeu reforços do secretário do Estado de Desporto, Gilberto Mendes, e Feizal Sidat, presidente da Federação Moçambicana de Futebol (FMF), para estimular os atletas a vencer.

Classifique este item
(0 votes)
Última modificação: Terça, 01 Junho 2021 09:29