O difícil “parto” do sucessor de Daviz

No pretérito fim-de-semana as atenções dos moçambicanos, sobretudo, os apaixonados pela política, estiveram focadas na cidade da Beira, onde decorreu a IV Sessão Ordinária do Conselho Nacional do partido Movimento Democrático de Moçambique (MDM).

Pouco mais de 150 delegados convidados para o encontro tinham como um dos pontos de agenda a definição do perfil do candidato à sucessão de Daviz Simango, falecido em Fevereiro último, vítima de doença.

Contra todas as expectativas, o assunto foi adiado e informações disponíveis indicam que a definição do perfil terá de ser feita pela Comissão Política do partido, sendo que neste momento qualquer membro é potencial candidato.

Feitas as contas, a avaliar pelo que foi em vida o fundador do MDM, portanto, um líder carismático que não deu espaço para que os seus correligionários lhe seguissem as peugadas, sou tentado a assegurar que vai ser difícil definir o perfil para a sucessão. Leia mais...

Por Domingos Nhaúle

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)