Não há motivo para pânico

Um comboio que transportava dez tanques de gasóleo, cerca de 360 mil litros, descarrilou no passado dia 11 de Fevereiro no vizinho Reino de eSwatini, a escassos quilómetros da fronteira moçambicana de Goba, província de Maputo.

Desde logo, o acontecimento teve o rótulo de “gigantesco desastre ambiental”, tendo circulado notícias que davam conta da ocorrência de derrame de 360 mil litros de combustível no rio Umbeluzi, fonte de água potável para a Área Metropolitana do Grande Maputo, o que afectaria habitantes das cidades de Maputo, Matola e Boane.

“Não há motivo para alarme. Não entremos em pânico. O cenário no rio Umbeluzi, de um modo geral, é muito mais animador”, tranquiliza João Machatine, ministro das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos.

BENTO VENÂNCIO
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Classifique este item
(0 votes)