Componho em Moçambique pensando no mundo - Bruno Akani, músico

O seu nome é Bruno Akani. Iniciou a sua carreira musical em tenra idade na igreja. Por conta disso abraçou o gospel, mas também toca pop rock e blues. No início do ano passado decidiu seguir o seu sonho - tornar-se um artista a tempo integral. Foi assim que apareceu na senda musical em grande como vocalista da banda moçambicana de rock os Rockfellers. Mas antes disso teve colaborações diversas, partilhando o palco com músicos moçambicanos como Stewart Sukuma, Mr. Bow, Ziqo, Lizha James, entre outros. No cenário internacional privou palcos com Freshly Ground, The Light House, Mango Groove, actuando na África do Sul e Zimbabwe.

Tomado pela conjuntura actual do mundo, Bruno Akani escreveu duas músicas - "Standing Still" (Enquanto estamos parados); e "Breathe Again" (respire novamente), cujo lançamento foi feito em "live streaming" na última quinta-feira.

“No dia 5 de Abril, a uma da manhã, algo dentro de mim disse escreva e fi-lo. Todos reclamamos por causa da covid-19 em que uns perdem a vida, emprego, casais que não estavam acostumados a estar juntos têm de fazê-lo. Sou pai de dois filhos e comecei a ser professor das minhas filhas. Não estava acostumado a isso, mas percebi que o posso fazer. A música 'Standing Still' parece um hino - cada coro acompanha um verso. As pessoas já não podem se aglomerar, são mais higiénicas”.

Em "Standing Still", Bruno resgata o valor do amor, o amor por nós mesmos, pela nossa família. “Canto o amor pelas pessoas que nos rodeiam e pelo nosso planeta. Pois só com amor poderemos viver um mundo melhor”, explica.

A segunda música, "Breathe Again", retrata a trágica morte do norte-americano George Floyd, causada pela brutalidade policial. “Foi um acontecimento que não deixou ninguém indiferente em todo o mundo. Expresso-me compondo 'Breathe again'. Num estilo mais a pop-gospel-soul, elevo a música a outro padrão. Tento simular como George Floyd e muitas outras pessoas perderam a vida simplesmente por causa da cor da sua pele. Apelo as pessoas a terem responsabilidade sem violência”, afirma. Leia mais...

Texto de Frederico Jamisse

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Foto de Inácio Pereira

Classifique este item
(0 votes)