O Jardim Tunduru, na capital do país, vai ser palco da Feira do Livro de Maputo, que terá lugar nos dias 7 e 8 de Outubro próximo, um evento que tem por objectivo celebrar e promover a literatura moçambicana e internacional.

O presidente do Conselho Municipal, David Simango, referiu que se pretende com aquele evento ligar as outras áreas de actuação artística que têm na literatura a fonte de inspiração para a sua execução, designadamente a música, dança, teatro, cinema, entre outras.

De acordo com Simango, com esta iniciativa o Conselho Municipal visa dar o seu contributo para que os alunos, público estratégico para quem a feira se destina, dêem largas à sua capacidade criativa e se apropriem do evento.

Esta iniciativa surge no seguimento da feira que foi lançada em Maio do presente ano e que serviu como uma espécie de pontapé de saída para um conjunto de actividades, que incluem concursos, desde a produção de “slogans”, de contos, soletração, entre outros.

Para a feira que se avizinha, já foram confirmadas as presenças de escritores do Brasil, Portugal, Espanha, Grã-Bretanha, Durban, entre outros francófonos e lusófonos.

Durante o evento, estão programadas actividades como mesas-redondas, palestras, lançamentos de livros, exposição e venda de livros, saraus de poesia, teatro, canto, dança, projecção de filmes e gastronomia.

O edil de Maputo disse que esta iniciativa representa um ensaio para se retomar eventos culturais que animavam os finais de tarde no Jardim Tunduru, nomeadamente os saraus.