Energia eléctrica chegará a dez milhões de moçambicanos

O Presidente da República, Filipe Nyusi, está determinado a concretizar, neste mandato, um programa denominado “Energia para Todos”. Para a sua materialização, o Governo já mobilizou mais de 250 milhões de dólares dos parceiros, concluiu o mapeamento das áreas de cobertura para os próximos dois anos e lançou concursos para a aquisição de equipamentos.

No mesmo âmbito, o sector privado está a instalar sistemas solares residenciais que já abrangem 55 mil famílias em várias províncias. “Desafiámo-nos a electrificar todas as sedes dos postos administrativos ainda sem acesso à energia até ao final da minha governação”, assumiu o Presidente.

Assegurou que se está a trabalhar para garantir o aumento da disponibilidade de energia através da promoção de investimentos em centrais de produção e, só neste primeiro semestre, já foram materializadas várias acções encorajadoras.

Animado com o andamento dos projectos, o Chefe de Estado acredita que até ao final deste ano a estruturação da central termoeléctrica de 420 MegaWatt (MW) a gás natural em Temane, em Inhambane, uma parceria público-privada, estará concluída.

“Com esta central, a maior a ser construída nos últimos 40 anos, estarão criadas as condições para investimentos industriais nas províncias próximas da sua localização... alimentando novas unidades produtivas no domínio de agro- -processamento, turismo e exploração de areias pesadas”, disse. Leia mais...

Texto de Jorge Rungo

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)
Última modificação: Segunda, 17 Agosto 2020 14:15
Script: