Tem-se dito, a quem quer ouvir, que o pássaro sempre faz voos livres, mas reconhece o seu ninho.

Ele vagueia vários pés acima, mas nunca o suficiente para se perder, pois tudo o que precisa tem no seu ninho.

Pode até ser. Mas Bula-Bula tem lá as suas dúvidas, quando observa nas suas rotundas o comportamento de alguns pássaros gigantes, temerários e ousados, alguns dos quais conhecidos pelo olfacto aguçado, quando o assunto é perseguição dos afoitos. Leia mais...