O ministro da Indústria e Comércio, Ragendra de Sousa, assegurou terem sido atraídos investidores para quatro projectos estratégicos nos sectores de petróleo e gás, têxteis, comercialização agrícola e saúde.

Estes são alguns dos resultados da participação da delegação moçambicana no II Fórum de Investimentos em África, realizado recentemente na cidade sul-africana de Joanesburgo, com objectivo de discutir a melhoria do fluxo de capitais para o continente africano e apresentação de projectos de financiamento.

Estes financiamentos estão inseridos no âmbito do Compacto Lusófono, liderado pelo Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) e pelo Governo português. Leia mais...