O DIRIGENTE da oposição social-democrata alemã (SPD) Sigmar Gabriel afirmou que a chanceler alemã, Ângela Merkel, não ganha o suficiente, apesar do

 salário da chefe do Governo de Berlim ser superior a 17 mil euros mensais. 

"Não acho normal que um chanceler alemão ganhe menos que um director de uma caixa de depósitos de média dimensão", indicou Gabriel, citado ontem no Frankfurter Allgemeine Zeitung. Em Maio, a chanceler e os seus ministros decidiram aumentar o seu salário pela primeira vez em 12 anos. Os vencimentos dos membros do Governo alemão têm um aumento de 5,7 por cento em três etapas até Agosto de 2013. Ângela Merkel, em funções desde 2005, passará a ganhar em 2013 como chanceler 17.016 euros brutos por mês. Como é também deputada, terá um rendimento de 23 mil euros brutos por mês, segundo a Imprensa.