O Movimento Democrático de Moçambique (MDM) celebrou, na última quinta-feira, o quarto aniversário da sua fundação, acto que serviu para a liderança daquela emergente formação política

 reafirmar a sua convicção de que irá conquistar mais autarquias nas eleições de Novembro próximo.

Em mensagem enviada a nossa Redacção, o líder do partido, Daviz Simango, exorta os militantes do MDM a empenhar-se cada vez mais na preparação das eleições municipais.

 Façamos das celebrações deste aniversário uma renovação da nossa vontade de trabalhar em prol da nossa organização política, torná-la capaz de vencer mais e enfrentar os desafios com capacidade e inteligência, referiu Simango.

O documento que temos estado a citar refere ainda que nestas celebrações, os militantes daquele movimento político vão intensificar as suas actividades a todos os níveis, privilegiando a angariação e mobilização de mais cidadãos a se juntarem àquela formação política.

A partir destas celebrações, vamos intensificar as actividades internas em todos os níveis de modo a mobilizarmos os moçambicanos para o recenseamento eleitoral que vai decorrer de 25 de Maio a 23 de Julho de 2013, em preparação das eleições Municipais de 20 de Novembro próximo. Fazer destas celebrações o reencontro dos moçambicanos de boa vontade rumo a um Moçambique para Todos”,refere a mensagem.

Refira-se que este movimento surgiu no dia 7 de Março de 2009, após desavenças no seio do partido Renamo, que culminaram com a chamada “Revolução de 28 de Março de 2008”. Neste momento, dirige os municípios da Beira e Quelimane, para além de ter assentos nas assembleias provinciais de Sofala, Nampula e Niassa, respectivamente.