As viúvas de Magude são cheias de atitude. As suas virtudes ultrapassam as fronteiras do que se assume como marcadamente feminino. Dispensam o verniz, cerram o punho e exibem músculo, para enfrentar qualquer ser humano (homem ou mulher) que transgrida os limites da sua paciência. A sua desenvoltura assusta inclusive os afoitos. Elas são elas. Aquelas que não se desmancham em fofurices. O seu lema é trabalhar. Casar outra vez?! Nem pensar… Após a perda dos respectivos companheiros, mergulham no labor e cuidam com amor de quem resolveram trazer ao mundo.

O estresse pode ser encarado como o mal do século, e muitas pessoas já perceberam que, na maioria das vezes, este problema está diretamente relacionado com o trabalho. Para alterar este quadro e reverter sintomas que detonam a qualidade de vida, tais como insónia, agitação, irritação e impaciência, para não falar de outros distúrbios, é preciso colocar em prática teorias e dicas simples, porém, extremamente eficazes.

 

“É tempo de agir”. Esta é a recomendação central deixada pela VI Plataforma Global para Redução do Risco de Desastres(GP2019) que decorreu ao longo de toda a semana finda na cidade de Genebra, Suíça, na qual tomaram parte representantes de 182 países que admitem que as mudanças climáticas são um assunto para levar a sério e que as calamidades naturais estão a ameaçar a existência humana no planeta. 

Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 160 visitante(s) ligado(s) ao Jornal