Nome: Cláudia Mariano

Idade: 29 anos

Naturalidade: Maputo

Residência: T3

Ocupação: Estudante e promotora de vendas

Conquistas: Orgulha-se por estar a erguer uma infra-estrutura habitacional fruto do seu próprio esforço. A menina que completou o ensino primário no bairro onde reside e o secundário em uma escola do Infulene, está a frequentar o curso de publicidade e marketing ao nível superior. Lidar com esta área iniciou antes, quando trabalhou num estabelecimento comercial de venda de roupas. Aqui, “aprendi muito sobre vendas, marcas... e apaixonei-me por isto”. Quem a vê, hoje em dia, linda, livre e agarrada aos estudos, nem de longe imagina que foi uma menina triste na sua infância: “porque cresci longe da minha mãe e do meu pai, apesar de que o meu pai era um pouco presente. Veja que toda a conversa de criança toca em assuntos como ‘a minha comprou-me uma pasta’; ‘fez bolo’; levou-me para passear’... e eu não tive nada disto. Por este motivo, cresci muito introvertida, porque me comparava às outras crianças e sentia-me diferente. Os meus avôs dava-me amor e carinho, mas não se compara ao amor de mãe e, também, eles não tinham como satisfazer a todas as minhas necessidades. Cheguei a sofrer bullying...”. Tamanho sofrimento, faz com Cláudia pense em ter filhos “somente depois de me casar”, pois, “não quero que os meus filhos passem pelo que passei”. Mas, hoje, se considera uma mulher feliz, “por ser independente, e percebo que as acções durante a infância e as escolhas na juventude reflectem-se na fase adulta.... e sinto que ainda vou chegar longe”.

Sonhos: “Ver a minha avó a usar a minha batina no dia da minha graduação e tornar-me uma grande publicitária”. 

 

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 214 visitante(s) ligado(s) ao Jornal