Cidade sem casa de pasto

Acontece de forma recorrente: nas primeiras duas a três semanas de Janeiro muitas casas de pasto, pelo menos na baixa da cidade de Maputo, fecham para férias colectivas, deixando a clientela sem alternativas para beber uma água ou um café.

O mês de Janeiro é de eleição para turistas nacionais e estrangeiros virem à capital do país, Maputo, para a festa do fim-de-ano e, quiçá, passar alguns dias depois da transição.

“Post Scriptum”não é contrário às férias colectivas, até porque são uma modalidade prevista na Lei do Trabalho em vigor no país.

Revisto: Benjamim

Texto: António Mondlhane

Leia mais...

Editorial

Carreiras dos professores primários e secundários
domingo, 07 janeiro 2018, 00:00
Decididamente, 2018 poderá ser ano memorável para os professores dos ensinos primário e secundário, com a introdução, em breve, de carreiras profissionais, medida... Leia Mais

Versão-Impressa


Opinião

Desporto

Nacional

Breves

Sociedade

Reportagem

Cultura

Em foco

Temos 535 visitantes em linha

Banca de Jornais

Sociedade do Noticias
  • EconomiaEconomia
  • CulturaCultura
  • DomingoDomingo
  • DesafioDesafio
  • NotíciasNoticias

Conselho de Administração

Bento Baloi Presidente

Rogério Sitoe Administrador

Cezerilo Matuce Administrador