O Presidente da Repú­blica, Filipe Nyusi, disse que não gostaria que o projecto de construção de casas de habitação em curso em Zintava ‒ orçado em 96 milhões de dólares norte- america­nos ‒ se tornasse num foco de con­flito de terras nem de criminalidade em razão do fluxo de pessoas que passarão a habitar aquela zona.

Apelou também a população circunvizinha a ser vigilante contra actos que possam atrasar a execução da obra, sobretudo as manipulações feitas, por vezes, por aqueles que já têm casas.

O Chefe de Estado fez esta exor­tação semana finda por ocasião do lançamento da primeira pedra do projecto de construção de 1840 casas para habitação, que serão vendidas para jovens, funcionários públicos, entre outros interessados.

Zintava situa-se a 25 quilómetros da cidade de Maputo e cinco da vila distrital de Marracuene. Trata-se de uma zona pouco habitada e que, acredita-se, com o projecto poderá atrair as atenções da juventude e im­pulsionar a vida económica e social do distrito.

Texto de ABIBO SELEMANE

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 155 visitante(s) ligado(s) ao Jornal

+ lidas