O secretário-geral da Organização dos Trabalhadores de Moçambique­-Central Sindi­cal (OTM-CS), Alexandre Munguambe, afirmou, se­mana passada, em Maputo, que a concertação social tripartida está a analisar os dados sobre o desempenho económico-social do país do ano passado para se pro­ceder ao reajusto salarial re­ferente a este ano.

 Alexandre Munguam­be garantiu que os dados analisados até ao momento não são encorajadores, uma vez que o aumento do custo de vida, devido à situação económica e financeira que o país atravessa, e que re­sultou no abrandamento da economia nacional, vai fa­zer com que, mais uma vez, o salário mínimo consegui­do no diálogo tripartido não cubra as necessidades bási­cas do trabalhador.

“Os dados foram colo­cados na mesa pelo Gover­no. Temos o nosso grupo de economistas que está neste momento a fazer a análise dos dados. Como estamos a negociar salários por sec­tores de actividade é pre­ciso se observar qual é o ponto de situação de cada sector e o que se pode pedir em termos de reajusto dos salários. Na verdade, não haverá aumento nenhum, o que se está a fazer é correr atrás do prejuízo”, disse.

Texto de Idnórcio Muchanga

Leia mais...

Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 225 visitante(s) ligado(s) ao Jornal

+ lidas