Os farmacêuticos, reunidos sexta-feira, em Maputo, no seu primeiro congresso Maputo, recomendaram reformas na formação dos técnicos do sector, como forma de melhorar a administração dos fármacos, evitando desta forma consequências nefastas para a saúde das pessoas.

Sob o lema “Farmácias e Farmacêuticos, Unidos pelas pessoas” o I Congresso foiorganizado pela Associação dos Farmacêuticos de Moçambique (AFARMO) e foi uma oportunidade para homenagear o Prof. Doutor Ivo Garido, pelo seu contributo para a área de farmácias no país.

Durante o congresso, os participantes reconheceram que um dos problemas dos seus associados tem a ver com a diferença dos currículos entre as várias instituições de formação.

Leia mais...

Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,96 61,15
ZAR 4,17 4,25
EUR 68,7 70,06

19.10.201Banco de Moçambique