A Assembleia-Geral das Nações Unidas “chumbou” uma proposta de Resolução que os EUA trabalharam “bastante” para que fosse aprovada na organização mundial. Apoiada fortemente pelo Estado de Israel, a resolução pretendia condenar o Movimento de Resistência Islâmica (Hamas) por lançar roquetes contra o território israelita. Embora tenha obtido a maioria dos votos dos membros da Assembleia (87 a favor, 57 contra e 33 abstenções), a proposta de resolução foi chumbada por não ter conseguido amealhar os três terços que eram requeridos para a sua aprovação. A rejeição da proposta pode significar que, embora o Hamas seja considerado grupo terrorista, muitos membros das Nações Unidas estão dispostos a fazer “vista grossa” às suas actividades em face das atitudes israelitas nos territórios palestinianos por si ocupados.

Os coletes amarelos, um movimento de protestos que emergiu na frança a 17 de Novembro de 2018, têm estado a forçar o Governo francês a recuar nas suas políticas económicas. Este movimento, como a primavera árabe, surgiu nas redes sociais e, rapidamente, expandiu-se dentro da França e pela Europa, havendo relatos da sua manifestação na Itália, Bélgica e Holanda. Os Coletes Amarelos começaram a protestar contra o aumento do imposto sobre combustíveis e depois passaram a protestar também contra a redução do poder de compra no geral e contra a governação de Macron, exigindo a sua demissão.

Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,96 61,15
ZAR 4,17 4,25
EUR 68,7 70,06

19.10.201Banco de Moçambique

Mais lidas