O Banco Africano de Desenvolvimento BAD﴿, em parceria com a Universidade Lúrio UniLúrio﴿, lançou, esta semana, em Pemba, na província de Cabo Delgado, um programa de apoio ao desenvolvimento de habilidades para agricultura e indústria.

Trata-se de um projecto que visa “Alimentar e Industrializar África”, com o objectivo de fortalecer a capacidade da UniLúrio em criar competências e as habilidades para futuros profissionais nos sectores-chave da agricultura, destacando as ciências aplicadas e engenharia.

O projecto, a ser implementado em cinco anos (2018-2022), é estimado em 15,50 milhões dólares americanos.Com este financiamento, a universidade vai construir e equipar oficinas, bibliotecas e laboratórios, para além de apoiar o desenvolvimento de uma estratégia para melhorar o acesso de raparigas aos serviços académicos, incluído um plano de bolsas de estudo.

O representante do BAD em Moçambique, Pietro Toigo, explicou na ocasião que “os recursos minerais no Norte de Moçambique vão acelerar o crescimento económico do país, mas para assegurarmos que o crescimento seja inclusivo é preciso dar aos jovens as ferramentas para competir com êxito no mercado do trabalho”.

Por seu turno, o reitor da UniLúrio, Francisco Noa, disseque“a universidade continuará a trabalhar para educar e formar uma nova geração de profissionais competentes, comprometidos com o desenvolvimento, ciência e bem-estar das comunidades locais”.

 

 


Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,96 61,15
ZAR 4,17 4,25
EUR 68,7 70,06

19.10.201Banco de Moçambique