Nem a desgraça causada pe­los ciclones Idai, na zona Centro, e muito recente­mente Kenneth, no Norte, conseguiram parar o “Ópio do Povo”. O Moçambola, a prova máxima do futebol moçambicano, já está em marcha e tal como nos anos anteriores, no sistema de todos-contra -todos.

Se nalgum momento pairou alguma dúvida sobre o sistema a adoptar, se re­gional ou todos-contra-todos, ou ainda quanto à realização da prova por moti­vos financeiros, tais incertezas passaram para a história, pelo menos para o pre­sente ano.

 Não haveria melhor forma de devol­ver o sorriso aos moçambicanos depois de tanta dor devida à morte e destruição causadas pelas calamidades naturais…o Moçambola, o desporto das multidões, vai, certamente, desempenhar esse pa­pel. Alegrar as mentes e o espírito deso­lados.

As incertezas que estiveram à volta da realização da prova convidam a todos – desportistas, dirigentes desportivos, Governo, sector privado e sociedade no geral – para um profundo e aturado exa­me de consciência sobre que caminhos devem ser trilhados para tornar a moda­lidade financeiramente viável.

Leia mais...


Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique