Texto de Abibo Selemane
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

As antigas estrelas da selecção nacional de futebol, os mambas, perderam na noite de ontem, diante dos ex-jogadores do Barcelona, no jogo disputado ontem no Estádio Nacional do Zimpeto. O golo da vitória foi apontado aos 13 minutos da segunda parte por intermédio de Simão Sabrosa.

Foi uma partida amigável que alegrou o público que acorreu ao Estádio Nacional do Zimpeto, além de altas individualidades do Estado moçambicano, com destaque para o Primeiro-Ministro, Carlos Agostinho do Rosário e o ministro da Juventude e Desporto, Albero MKutumula. A Espanha esteve representada pelo embaixador

Os jogadores, embora reformados revelaram, em campo, que ainda estão em forma. Mostraram domínio táctico-técnico, apesar de estar há muito tempo sem competir.

Por exemplo, do lado moçambicano jogadores como Sérgio Faife, Jossias e Chiquinho Conde conseguiram, várias vezes, criar perigo na baliza adversária. Aliás, Sergio Faife sempre que saísse com a bola colocava-a na área do Barcelona, mas ninguém aparecia para a finalização.

Ouro jogador que, vezes sem conta, também deixava desnorteadas as lendas do Barcelona é o Armando Sá. Conseguia galgar o meio-campo até à baliza dos ex-catalãs.

Na defensiva esteve o conjunto formado por Tomás, Paíto e Genito que prontamente cortavam as investidas de Rivaldo, Kluvert, Edgar David, até mesmo de Simão Sabrosa. 

Foi necessário esperar-se 58 minutos para ver-se um único golo da partida. O tento solitário surgiu numa altura em que o conjunto moçambicano acabava de operar uma substituição.

Antes do golo o guarda-redes Kampango que entrou na segunda parte havia feito duas defesas.

Leia mais...

 

 

Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,96 61,15
ZAR 4,17 4,25
EUR 68,7 70,06

19.10.201Banco de Moçambique

Mais lidas