VOLEIBOL: Federação frustrada

O secretário-geral da Federação Moçambicana de Voleibol, Pelágio Pascoal, diz que está frustrado com o nível de desempenho das associações provinciais da modalidade de Inhambane e Sofala porque não organizam provas.

Segundo Pelágio Pascoal, a modalidade nestas províncias está quase abandonada, não há provas locais, e nem parece haver vontade de competir no seio dos dirigentes das associações.

Neste momento, por exemplo, na província de Inhambane, a modalidade está a ser assegurada por alguns núcleos que funcionam nos distritos de Inharrime, Maxixe e Vilankulo, enquanto em Sofala as coisas estão totalmente paradas.

Pelágio Pascoal lembrou que em Sofala já passaram três presidentes, mas nada está a acontecer em prol do desenvolvimento da modalidade.

Facto curioso é que, segundo ele, os seus presidentes são indivíduos que entendem da modalidade, mas não estão a trabalhar para elevar a modalidade a altos patamares.

Em razão desta situação as duas províncias não participaram, este ano, nas fases provinciais e regionais de apuramento para a final da Taça de Moçambique de Voleibol.

Leia mais...

Editorial

Fechar a cadeia de valor da agricultura
domingo, 29 outubro 2017, 00:00
Como manda a praxe, foi lançada, semana passada, a campanha agrária 2017-2018, numa cerimónia havida num dos distritos mais produtivos da província de Maputo – Moamba. A... Leia Mais

Versão-Impressa


Opinião

Desporto

Nacional

Breves

Sociedade

Reportagem

Cultura

Em foco

Temos 490 visitantes em linha

Banca de Jornais

Sociedade do Noticias
  • EconomiaEconomia
  • CulturaCultura
  • DomingoDomingo
  • DesafioDesafio
  • NotíciasNoticias

Conselho de Administração

Bento Baloi Presidente

Rogério Sitoe Administrador

Cezerilo Matuce Administrador